O CREMATÓRIO MUNICIPAL DR. JAYME AUGUSTO LOPES É MONOPÓLIO DA PREFEITURA DE SÃO PAULO. ESTE PORTAL É PRIVADO E NÃO POSSUI QUALQUER VÍNCULO COM O CREMATÓRIO.
site privado, não possuímos vínculo com o crematório
ATENDIMENTO EMERGENCIAL 24H (11) 3230-1959

O que fazer com as cinzas da cremação?

de aleah, 9 de outubro de 2020

Ainda há dúvidas sobre o que fazer com as cinzas da cremação de um ente querido. Isso porque é muito difícil passar pelo processo de luto, pois as pessoas tem que lidar com muitas coisas relacionadas ao evento de despedida.

Hoje em dia é cada vez mais comum as pessoas optarem pela cremação. Mas, depois que uma pessoa é cremada, o que fazer com as cinzas da cremação? Essa, com certeza, é uma decisão muito difícil para a família. Porém, existem muitas opções.

Algumas pessoas conseguem informar a sua família qual é a sua preferência. Contudo, em alguns casos, a escolha do que fazer com as cinzas fica a critério dos familiares. Existe hoje uma infinidade de possibilidades, sendo assim, no texto de hoje, falaremos sobre as mais utilizadas. Continue lendo!

Manter as cinzas em um local sagrado

Para quem não sabe a igreja católica não proíbe mais a cremação, portanto, os adeptos dessa religião podem escolher ser cremados. Porém, as cinzas não podem ser lançadas em rios ou no mar.

A igreja católica determina que as cinzas dos fiéis cremados devem ser mantidas em locais sagrados como nas igrejas ou em cemitérios. Em caso de mortes ocorridas em guerra ou em locais que não existem cemitérios, a igreja católica permite que as cinzas sejam levadas para casa.

Transformar os restos mortais em árvores

Quando uma pessoa com senso ecológico aflorado se pergunta, o que fazer com as cinzas de uma cremação? A resposta ideal seria; transforme as cinzas em uma árvore.

Muitas crenças defendem que a morte é apenas uma passagem para uma nova vida. Portanto, é interessante pensar em fazer uso de uma urna biodegradável para depositar as cinzas.

A urna é separada por locais onde serão depositadas as cinzas e por locais que serão depositadas as sementes ou mudas de árvores. Quando a urna é enterrada, é iniciado o processo de crescimento da árvore.

O interessante desse tipo de escolha é que a família poderá acompanhar o crescimento da árvore. O uso das urnas biodegradáveis simboliza a passagem da morte para a vida.

Espalhar as cinzas no mar

Esse é um ato que está se tornando cada vez mais comum. Pois, ele representa a sensação de liberdade e de amor a natureza aos quais muitas pessoas são ligadas.

A medida que a procura pela cremação aumenta, cresce também, o número de pessoas que decidem jogar as cinzas dos entes queridos no mar. Com isso, algumas empresas desenvolveram as chamadas urnas  hidrossolúveis.

Esse tipo de urna é feita de argila. Quando o material entra em contato com a água, ele dilui em pouco tempo espalhando as cinzas pelo mar sem causar danos ambientais.

Espalhar as cinzas por muitos lugares

Pessoas aventureiras e que gostavam de viajar em quando estavam vivos, provavelmente, iriam optar por espalhar suas cinzas em vários lugares. Normalmente, as cinzas são espalhadas pelos lugares onde o falecido costumava frequentar.

Às vezes, as pessoas espalham as cinzas de seus entes queridos em praças, parques, estádios e até em cidades diferentes. Algumas pessoas pedem para que suas cinzas sejam espalhadas pelos seus lugares favoritos.

Armazenamento das cinzas em casa

Uma opção muito utilizada é o armazenamento das cinzas em casa. Muitas famílias espalham as cinzas de seus entes queridos em casa, seja no jardim, no quarto ou até mesmo na sala como enfeite.

Mais importante do que o local onde as cinzas serão espalhadas, é o local onde ficam as lembranças desse ente querido. Algumas pessoas acreditam que o simbolismo de espalhar as cinzas pode resentar uma forma de espalhar a lembrança daquele que se foi.

Por isso, muitas pessoas guardam um pouco das cinzas, chegando a transformar os restos mortais dos entes queridos em joias para serem guardadas e até mesmo para usarem, como, por exemplo, em colares. Outras transformam as cinzas em objetos de decoração e os deixam na casa.

Muitas pessoas optam pela cremação porque em comparação a um sepultamento tradicional, parece uma despedida mais leve. O rito de cremação é uma forma mais tranquila de se despedir.

Plano funerário

Muitas pessoas optam por um plano funerário. Neste caso, é importante já deixar incluso no plano a cremação. Isso irá assegurar o seu direito ao procedimento, sem causar nenhum transtorno para a família.

Assim, a família poderá contar com um apoio especializado nesse momento tão difícil que a passagem de um ente querido, além de ter algo a menos para se preocupar.

Gostou da leitura? Então, não se esqueça de compartilhar esse conteúdo com os amigos e deixe-nos um comentário com dicas para as próximas postagens!

×